Dukascopy Jforex Jnlp Extension




Dukascopy Jforex Jnlp ExtensionComo abrir a extensao do arquivo JNLP O JNLP e um tipo de arquivo usado com Java Web Start. Esta e uma configuracao que permite aos usuarios baixar aplicativos Java da Internet e executa-los com um unico clique, ao inves de lutar com um processo de instalacao mais complicado. Ao contrario da maioria dos arquivos, voce normalmente abrira um arquivo JNLP atraves de um link da Web em vez do sistema de gerenciamento de arquivos do seu computador. Java Web Start Para usar arquivos JNLP, voce precisa ter Java Web Start em seu computador. Voce pode obte-lo como parte do pacote global de Java, disponivel para download a partir do site Java (consulte Recursos). Depois de ter o Java Web Start no seu computador, ele ira baixar e instalar automaticamente qualquer arquivo JNLP que voce obtenha da Internet. Apos a instalacao, a proxima vez que voce selecionar um arquivo JNLP, o Java Web Start verificara a versao mais recente e atualizara o arquivo e executa-lo-a. Associacao de arquivos Normalmente, selecionar um arquivo JNLP deve abri-lo automaticamente usando Java Web Start. Se isso nao acontecer, a associacao do arquivo pode estar ausente ou corrompida. Voce pode alterar isso atraves dos menus Configuracoes do Windows. No Windows 8, voce precisa procurar quotDefault Programsquot e seleciona-lo nos resultados sob quotAppsquot. Em seguida, selecione quotAsociar um tipo de arquivo ou protocolo com um programa e selecione quot. JNLPquot da lista e selecione quotChange program. quot Voce vera quotJava Web Start Launcherquot entre a lista de programas, entao selecione-o. Se voce nao ve isso, selecione quotMore Optionsquot e, em seguida, quotLook para outro aplicativo neste PC. Entao, selecione o arquivo quotjavaws. exe, o qual voce normalmente encontrara, seguindo as pastas quotC: Program Files (x86) Java JRE7 bin. quot Se isso nao funcionar, voce precisara tentar a pasta quotProgram Filesquot (sem x86) ou quotJREquot com um numero posterior. Sintaxe do Arquivo JNLP O arquivo JNLP e um documento XML. O seguinte mostra um exemplo completo de um arquivo JNLP. O exemplo mostra o esboco basico do documento. O elemento raiz e jnlp. Que tem quatro subelementos: informacoes. Seguranca. Recursos . E application-desc. Alem disso, o Java Web Start tambem suporta o lancamento de miniaplicacoes usando o elemento applet-desc. Os elementos sao descritos em mais detalhes abaixo. JNLP Elements jnlp Element spec atributo. Este atributo deve ser 1.0 ou superior para funcionar com esta versao. O valor padrao e 1.0. Assim, geralmente pode ser omitido. Tenha em atencao que esta versao suporta tanto a versao de especificacoes 1.0, versao 1.5 e a versao 6.0, enquanto as versoes anteriores suportam apenas 1.0 e 1.5. Um arquivo jnlp especificando spec6.0 funcionara com esta versao, mas nao as versoes anteriores do Java Web Start. Atributo codebase. Todos os URLs relativos especificados em atributos href no arquivo JNLP estao usando este URL como base. Atributo href: Este e um URL apontando para a localizacao do proprio arquivo JNLP. Elemento Elemento de informacao Elemento: Este atributo contem uma lista de nomes de sistemas operacionais para este elemento. Leia a discussao do elemento de recursos mais tarde para uma discussao completa sobre o atributo os. Elemento do titulo: o nome do aplicativo. Elemento do fornecedor: o nome do fornecedor do aplicativo. Elemento da pagina inicial: contem um unico atributo, href. Que e uma URL que localiza a pagina inicial da Aplicacao. Ele e usado pelo Java Application Cache Viewer para apontar o usuario para uma pagina da Web onde mais informacoes sobre o aplicativo podem ser encontradas. Elemento de descricao: uma breve declaracao sobre o aplicativo. Os elementos de descricao sao opcionais. O atributo kind define como a descricao deve ser usada. Pode ter um dos seguintes valores: one-line. Se uma referencia ao aplicativo aparecera em uma linha de uma lista ou tabela, essa descricao sera usada. curto . Se uma referencia ao aplicativo for exibida em uma situacao em que haja espaco para um paragrafo, esta descricao e usada. Tooltip. Se uma referencia ao aplicativo aparecera em uma dica de ferramenta, esta descricao sera usada. Apenas um elemento de descricao de cada tipo pode ser especificado. Um elemento de descricao sem um tipo e usado como um valor padrao. Assim, se Java Web Start precisa de uma descricao de tipo curto. E nao esta especificado no arquivo JNLP, entao o texto da descricao sem um atributo e usado. Todas as descricoes contem texto simples. Nenhuma formatacao, como com tags HTML, e suportada. Elemento de icone: contem um URL HTTP para um arquivo de imagem em formato GIF, JPEG, ICO ou PNG. Os icones sao usados ??para representar o aplicativo durante o lancamento quando o Java Web Start apresenta o aplicativo ao usuario no Java Application Cache Viewer em atalhos da area de trabalho. Um icone de 64x64 e mostrado durante o download no Java Application Cache Viewer e nos atalhos da area de trabalho e usado um icone 32x32. O Java Web Start redimensiona automaticamente um icone para o tamanho apropriado. Os atributos opcionais de largura e altura podem ser usados ??para indicar o tamanho das imagens. O atributo kind opcional pode ter um dos seguintes valores: padrao. A imagem especificada e usada no Java Application Cache Viewer. Tambem e usado se um elemento de icone com um atributo de tipo especifico nao foi especificado. Nao especificar o atributo kind e o mesmo que especifica-lo com o valor padrao. Splash. A imagem especificada e usada como a imagem de splash no segundo e subsequentes lancamentos do aplicativo. Durante o lancamento inicial do aplicativo, antes que os recursos sejam baixados, a imagem padrao e usada. Atalho. A imagem especificada e usada em atalhos da area de trabalho. Um arquivo JNLP pode conter varios elementos de icone que diferem por seu atributo amavel. Isso permite especificar diferentes imagens de icones para sua aplicacao. Elemento offline-permitido: o elemento opcional off-allowed opcional indica se o aplicativo pode ser lancado offline. Se offline-permitido for especificado, o aplicativo pode ser lancado offline pelo Java Application Cache Viewer e podem ser criados atalhos que iniciam o aplicativo offline. Se um aplicativo for lancado offline, ele nao verificara as atualizacoes e a chamada API BasicService. isOffline () retornara true. O elemento offline-permitido tambem controla como o Java Web Start verifica se ha uma atualizacao para um aplicativo. Se o elemento nao for especificado 8212i. e. O aplicativo deve estar online para executar8212Java O Web Start sempre verificara se ha uma versao atualizada antes de iniciar o aplicativo. E se uma atualizacao for encontrada, o novo aplicativo sera baixado e lancado. Assim, e garantido que o usuario sempre executa a versao mais recente do aplicativo. O aplicativo, no entanto, deve ser executado online. Se desconectado-permitido e especificado. O Java Web Start tambem verificara se uma atualizacao esta disponivel. No entanto, se o aplicativo ja estiver baixado, a verificacao ira expirar apos alguns segundos, caso em que o aplicativo em cache sera lancado em vez disso. Dada uma conexao de servidor razoavelmente rapida, a versao mais recente do aplicativo geralmente sera executada, mas nao e garantida. O aplicativo, no entanto, pode ser executado offline. Elemento de atalho: o elemento de atalho opcional pode ser usado para indicar preferencias de aplicativos para integracao de desktop. O elemento de atalho e seus subelementos fornecem dicas que o Cliente JNLP pode ou nao usar. O elemento de atalho pode conter os atributos opcionais on-line e de instalacao e os dois sub-elementos opcionais, area de trabalho e menu. Elemento de associacao: o elemento de associacao opcional e uma dica para o cliente JNLP que deseja ser registrado no sistema operacional como principal manipulador de certas extensoes e um determinado tipo de mimica. O elemento de associacao deve ter as extensoes e os atributos de tipo mime. Se o elemento de associacao estiver incluido, o elemento offline-permitido tambem deve ser incluido, ou o atributo href deve ser definido para o elemento jnlp para garantir que o aplicativo possa ser localizado e executado. Elemento de conteudo relacionado: o elemento de conteudo relacionado opcional descreve uma parte adicional de conteudo relacionado, como um arquivo readme, paginas de ajuda ou links para paginas de registro, como uma dica para um cliente JNLP. A aplicacao esta pedindo que este conteudo seja incluido na sua integracao de desktop. O elemento de conteudo relacionado tem um atributo href e titulo obrigatorio. Ele pode conter qualquer um dos seguintes dois sub-elementos: elemento de descricao. Uma breve descricao do conteudo relacionado. Elemento de icone. O icone pode ser usado pelo Cliente JNLP para identificar o conteudo relacionado ao usuario. Elemento de seguranca Cada aplicativo sandbox e executado em um ambiente de execucao restrito, semelhante ao sandbox Applet. O elemento de seguranca pode ser usado para solicitar acesso irrestrito. Se o elemento all-permissions for especificado, o aplicativo tera acesso total a maquina do cliente e a rede local. Todos os arquivos JAR devem ser assinados. O usuario e solicitado a aceitar o certificado e concorda em executar o aplicativo. Elemento de atualizacao O elemento de atualizacao e usado para indicar as preferencias sobre como as atualizacoes do aplicativo devem ser tratadas pelo Java Web Start. O elemento de atualizacao pode conter os seguintes dois atributos opcionais: atributo de verificacao: o atributo de verificacao indica a preferencia para quando o Cliente JNLP deve verificar atualizacoes e pode ter um dos tres valores: sempre, tempo limite e fundo Um valor sempre significa Para sempre verificar atualizacoes antes de iniciar o aplicativo. Um valor de tempo limite (padrao) significa verificar atualizacoes ate o tempo limite antes de iniciar o aplicativo. Se a verificacao de atualizacao nao for concluida antes do tempo limite, o aplicativo sera iniciado e a verificacao de atualizacao continuara em segundo plano. Um valor de fundo significa iniciar o aplicativo ao verificar atualizacoes em segundo plano. Atributo de politica: o atributo de politica indica a preferencia de como o Cliente JNLP deve lidar com uma atualizacao de aplicativo quando se sabe que uma atualizacao esta disponivel antes do lancamento do aplicativo e pode ter um dos seguintes tres valores: sempre, atualizacao imediata e Prompt-run Um valor de sempre (padrao) significa sempre fazer o download de atualizacoes sem qualquer prompt. Um valor de prompt-update significa pedir ao usuario se ele quer baixar e executar a versao atualizada ou iniciar a versao em cache. Um valor de prompt-run significa pedir ao usuario se heshe quer baixar e executar a versao atualizada, ou cancelar e abortar a execucao do aplicativo. Ltupdate checkalways policyprompt-updategt recursos Elemento O elemento de recursos e usado para especificar todos os recursos, como arquivos de classe Java, bibliotecas nativas e propriedades do sistema, que fazem parte do aplicativo. Uma definicao de recurso pode ser restrita a um sistema operacional especifico, arquitetura ou localidade usando o os. Arco. E atributos locais. O atributo os contem uma lista de nomes de sistemas operacionais para um recurso. Por exemplo, voce pode usar varias definicoes de recursos, com diferentes atributos OS, para fornecer uma biblioteca nativa para varios sistemas operacionais. O atributo os contem uma lista de nomes de sistemas operacionais separados por espacos. Em tempo de execucao, os valores os sao comparados com o inicio da propriedade do sistema os. name para encontrar uma correspondencia. Por exemplo, um valor de atributo os de Windows combina sistemas operacionais Windows Vista e Windows 7. Se voce deseja listar um sistema operacional cujo nome contem um espaco, use uma barra invertida para indicar que o espaco faz parte do nome do sistema operacional. O exemplo a seguir correspondera especificamente ao Windows Vista e ao Windows 7: o elemento de recursos possui seis diferentes subelementos possiveis: jar. Nativelib. J2se. Propriedade. pacote . E extensao. O pacote e os elementos de extensao nao sao discutidos neste guia de desenvolvedores. Um elemento jar especifica um arquivo JAR que faz parte do classpath de aplicativos. Por exemplo: O arquivo jar sera carregado na JVM usando um objeto ClassLoader. O arquivo jar geralmente contem classes Java que contem o codigo para o aplicativo especifico, mas tambem podem conter outros recursos, como icones e arquivos de configuracao, que estao disponiveis atraves do mecanismo getResource. Um elemento nativelib especifica um arquivo JAR que contem bibliotecas nativas. Por exemplo: O cliente JNLP deve garantir que cada entrada de arquivo no diretorio raiz do arquivo JAR (ou seja) possa ser carregada no processo em execucao usando o metodo System. loadLibrary. Cada entrada deve conter uma biblioteca compartilhada dependente da plataforma com a convencao de nomenclatura correta, e..dll no Windows ou lib. so no SolarisLinux. O aplicativo e responsavel por fazer a chamada real para System. loadLibrary. As bibliotecas nativas normalmente seriam incluidas em um elemento de recursos que se orienta para um sistema operacional e arquitetura especificos. Por exemplo: Por padrao, os recursos jar e nativelib serao baixados ansiosamente, ou seja, eles sao baixados e disponiveis localmente para a JVM executando o aplicativo antes do lancamento do aplicativo. Os elementos jar e nativelib tambem permitem que um recurso seja especificado como preguicoso. Isso significa que o recurso nao precisa ser baixado no sistema do cliente antes do lancamento do aplicativo. O atributo de download e usado para controlar se um recurso e baixado ansiosamente, preguicosamente ou contem uma implementacao de progresso personalizado. Por exemplo: Um jar denotado com downloadprogress sera baixado ansiosamente, e pode ser usado para indicar progresso durante o download de outros recursos. O elemento j2se especifica quais versoes do Java Course Standard Edition Runtime Environment (JRE) em que um aplicativo e suportado, bem como parametros padrao para o Java Virtual Machine. Se varios JREs forem especificados, isso indica uma lista priorizada dos JREs suportados, com a versao mais preferida primeiro. Por exemplo: lt j2se versao 1.3 inicial-heap-size 64m max-heap-size128mgt lt j2se versao 1.4.2 href java. sunproductsautodlj2se java-vm-args - esa - Xnoclassgcgt O atributo de versao refere-se, por padrao, a uma versao de plataforma ( Versao de especificacao) da Java Platform Standard Edition. As versoes da plataforma atualmente definidas sao 1.2, 1.3, 1.4, 1.5, 1.6, 1.7 e 1.8. (A versao da plataforma normalmente nao contem um numero de versao micro, por exemplo, 1.4.2.) Tambem podem ser especificadas versoes exatas do produto (versoes de implementacao). Incluindo o atributo href. Por exemplo, 1.3.107, 1.4.2 ou 1.5.0-beta2 pela Sun Microsystems, Inc. Por exemplo, lt j2se versao 1.4.2 href java. sunproductsautodlj2se lt j2se versao 1.4.204 href java. sunproductsautodlj2segt Se uma versao da plataforma E especificado (ou seja, nao e fornecido nenhum atributo href), o Java Web Start nao considerara uma JRE instalada nao-FCS (ou seja, marco) como uma correspondencia. Por exemplo. Um pedido do formulario nao consideraria um instalado 1.4.1-ea ou 1.4.2-beta JRE como uma correspondencia para o pedido. Comecando com 1.3.0, um JRE da Sun Microsystems, Inc. e, por convencao, um JRE nao-FCS (marco) se houver um traco (-) na sequencia da versao. O atributo java-vm-args do elemento j2se especifica um conjunto preferido de argumentos da maquina virtual a serem usados ??ao iniciar java. Os seguintes java-vm-args sao suportados por esta versao: Mais qualquer argumento comecando com um dos seguintes: O elemento de propriedade define uma propriedade do sistema que estara disponivel atraves dos metodos System. getProperty e System. setProperties. Tem dois atributos necessarios: nome e valor. Por exemplo: ltproperty name key value overwrittengt As propriedades definidas no arquivo JNLP normalmente serao definidas pelo Java Web Start apos a VM ser iniciada, mas antes do aplicativo ser invocado. Algumas propriedades sao consideradas propriedades seguras e podem ser passadas como argumentos de valor-chave na linha de comando de invocacao java. As seguintes propriedades sao propriedades de seguranca predefinidas e serao passadas para a VM desta maneira: Novas propriedades seguras tambem podem ser definidas conforme necessario, prefixando o nome da propriedade com quotjnlp. quot ou quotjavaws. quot. As propriedades do sistema definidas em um arquivo JNLP nao assinado so serao definidas pelo Java Web Start se forem consideradas seguras. Para obter informacoes sobre propriedades que afetam o comportamento dos aplicativos Java Web Start, consulte Propriedades que afetam o comportamento de aplicativos ricos da Internet. Elemento application-desc O elemento application indica que o arquivo JNLP esta iniciando um aplicativo (em oposicao a um applet). O elemento aplicativo possui um atributo opcional, classe principal. Que pode ser usado para especificar o nome da classe principal dos aplicativos, ou seja, a classe que contem o metodo public static void main (String argv), onde a execucao deve comecar. O atributo da classe principal pode ser omitido se o primeiro arquivo JAR especificado no arquivo JNLP contiver um arquivo de manifesto contendo a classe principal. Argumentos podem ser especificados para o aplicativo, incluindo um ou mais elementos de argumento aninhados. Por exemplo: O atributo (opcional) da classe de progresso pode ser usado para indicar que a classe desse nome implementa a interface javax. jnlp. DownloadServiceListener. Esta classe pode ser carregada primeiro e usada para indicar o progresso de outros recursos que estao sendo baixados e verificados. Applet-desc Element Java Web Start tem suporte para o lancamento de applets Java. Esse suporte fornece migracao facil do codigo existente para Java Web Start. Um applet e iniciado usando o elemento applet-desc em vez do elemento application-desc. Por exemplo: os arquivos JAR que compoem o applet sao descritos usando o elemento recursos como para aplicativos. O documentBase deve ser fornecido explicitamente, uma vez que um arquivo JNLP nao esta incorporado em uma pagina HTML. O restante dos atributos corresponde aos respectivos elementos da etiqueta do applet HTML. O atributo da classe principal e usado em vez do atributo do codigo. O atributo da classe principal e atribuido ao nome da classe Applet (sem a extensao. class). Esse atributo pode ser omitido se a classe Applet puder ser encontrada a partir da entrada do manifesto Main-Class no arquivo JAR principal. O atributo (opcional) da classe de progresso pode ser usado para indicar que a classe desse nome implementa a interface javax. jnlp. DownloadServiceListener. Esta classe pode ser carregada primeiro e usada para indicar o progresso de outros recursos sendo baixados e verificados. Nota: Os applets devem ser empacotados em arquivos JAR para trabalhar com Java Web Start. Componente-desc Elemento O elemento componente-desc indica que este arquivo jnlp nao e um aplicativo ou um applet, mas uma extensao que pode ser usada como um recurso em um aplicativo, applet ou outra extensao. Uma extensao de componente geralmente e usada para avaliar um conjunto de recursos que sao compartilhados entre varias aplicacoes ou que possuem necessidades de seguranca separadas. O atributo (opcional) da classe de progresso pode ser usado para indicar que a classe desse nome implementa a interface javax. jnlp. DownloadServiceListener. Esta classe pode ser carregada primeiro e usada para indicar o progresso de outros recursos que estao sendo baixados e verificados. Elemento installer-desc O elemento install-desc indica que este arquivo jnlp e uma extensao do instalador que define um aplicativo que sera executado apenas uma vez, a primeira vez que este arquivo jnlp da extensao e usado em um aplicativo, applet ou outra extensao. Uma extensao do instalador normalmente e usada para instalar o codigo nativo especifico da plataforma que requer uma configuracao mais complicada do que simplesmente carregar uma biblioteca nativa na VM. Copyright 169 1993, 2016, Oracle e suas afiliadas. Todos os direitos reservados.