Dos 4 Componentes Do Gdp, Qual E O Forex Mais Volatil




Dos 4 Componentes Do Gdp, Qual É O Forex Mais VolátilMetodo de despesa O que e o Metodo da despesa O metodo da despesa e um metodo para calcular o produto interno bruto (PIB), que totaliza o consumo, o investimento, os gastos do governo e as exportacoes liquidas. O metodo de despesa e a forma mais comum de estimar o PIB, e diz tudo o que o setor privado, incluindo consumidores e empresas particulares, e o governo gasta dentro das fronteiras de um determinado pais deve somar o valor total de todos os produtos e servicos acabados Produzido durante um certo periodo de tempo. Este metodo produz PIB nominal. Que deve ser ajustado pela inflacao para resultar no PIB real. BREAKING DOWN Metodo de despesa O metodo de despesa e a abordagem mais utilizada para estimar o PIB, que e uma medida da producao de economia produzida dentro de fronteiras de um pais independentemente de quem possui os meios para a producao. O PIB ao abrigo deste metodo e calculado pela soma de todas as despesas realizadas em bens e servicos finais. Existem quatro principais gastos agregados que se destinam ao calculo do PIB: o consumo das familias, o investimento das empresas, o gasto publico em bens e servicos e as exportacoes liquidas, que sao iguais as exportacoes menos as importacoes de bens e servicos. Componentes principais no metodo de despesa Nos Estados Unidos, a componente mais dominante nos calculos do PIB no ambito do metodo de despesa e a despesa do consumidor, que representa a maioria do PIB dos EUA. O consumo geralmente e dividido em compras de bens duraveis ??(como carros e computadores), bens nao duraveis ??(como roupas e alimentos) e servicos. O segundo componente e a despesa do governo, que representa as despesas das autoridades estaduais, locais e federais em bens e servicos de defesa e nao-defensivos, como armas, cuidados de saude e educacao. O investimento empresarial e um dos componentes mais volateis que se dedica ao calculo do PIB. Inclui despesas de capital por empresas em ativos com vida util de mais de um ano, tais como imoveis, equipamentos, instalacoes de producao e plantas. O ultimo componente incluido na abordagem de despesas e a exportacao liquida, que representa o efeito do comercio exterior de bens e servicos na economia. Limitacao da medida do PIB O PIB, que pode ser calculado utilizando varios metodos, incluindo a abordagem da despesa, deve medir o padrao de vida e a saude economica do pais. Criticos, como o economista vencedor do Premio Nobel Joseph Stiglitz, advertem que o PIB nao deve ser tomado como um indicador abrangente de um bem-estar da sociedade, pois ignora fatores importantes que tornam as pessoas felizes. Por exemplo, enquanto o PIB inclui as despesas monetarias dos setores privado e governamental, nao considera o equilibrio entre o trabalho e a vida pessoal ou a qualidade das relacoes interpessoais em um determinado pais. Unite 6 - Componentes do PIB - Abordagem final dos bens O consumo de bens e servicos cai Sob uma das seguintes categorias: bens duraveis ??- O consumo de bens duraveis ??e considerado semelhante ao investimento do consumidor. Os bens duraveis ??sao comprados com a intencao de mante-los por um periodo de tempo sustentado. Exemplos de compras consumidoras duraveis ??incluem maquinas de lavar roupa, frigorificos, automoveis e fornos torradeira. Produtos nao duraveis ??- Em contraste com bens duraveis, itens nao duraveis ??tem uma vida util mais curta. Um exemplo de uma compra de consumo nao duravel e mantimentos. A vida util do alimento tipico e curta, especialmente em comparacao com a geladeira (item duravel) em que os alimentos pereciveis sao mantidos. Outros exemplos de compras que sao consideradas nao-duraveis ??incluem jornais, revistas, roupas e chapeus (que sempre voam com o vento). Servicos - Desde a decada de 1960, o componente de compras de consumidores com maior crescimento foi a area de servicos. Os servicos incluem tratamento medico, advogados e tinturarias. As empresas e as empresas realizam atividades de investimento que envolvem a compra de bens que eles mesmos ajudam no processo de producao. As categorias de investimento sao: Investimento de negocios - Isso inclui as compras reais de bens utilizados no processo de producao. O investimento empresarial inclui a construcao de novos escritorios e fabricas e a compra de maquinas, computadores e qualquer outro equipamento utilizado para auxiliar a mao de obra na producao de bens e servicos. O investimento empresarial conta como investimento bruto, que inclui compras de maquinas para substituir equipamentos desgastados. Se uma empresa substitui uma maquina por outra que nao aumenta a producao, nada e adicionado a economia das nacoes. Para corrigir isso, o investimento liquido pode ser usado, o que subtrai a depreciacao do capital existente do investimento bruto (total) realizado pelas empresas. Construcao residencial - Esta parte do investimento global rastreia a construcao real da habitacao, e nao a venda de casas. Uma nova casa que e construida durante um determinado ano e contada naquele ano PIB, enquanto a compra de uma casa ja possuida ja foi contada no PIB do ano em que foi construido. Desta forma, apenas as residencias que se somam ao estoque global da habitacao contam para o PIB. Variacoes nos estoques - As empresas investem em estoques, que sao produtos produzidos armazenados em antecipacao as vendas posteriores. As empresas tambem armazenam materias-primas e bens intermediarios utilizados no processo de producao. Os bens contidos em estoques sao contados para o ano produzido, e nao o ano vendido. Embora os estoques sejam uma parcela relativamente pequena do setor de investimentos em geral, os estoques sao um componente critico das mudancas no PIB ao longo do ciclo economico. Se a economia esta abrandando, possivelmente entrando em uma recessao, o portador das mas noticias sera muitas vezes uma acumulacao indesejada de estoques. A medida que os consumidores reduzem suas compras, as vendas de bens e servicos diminuem, os inventarios se acumulam e as empresas reduzem a producao (demissao de funcionarios) para reduzir os estoques indesejados (e dispendiosos). Este ultimo ponto vale a pena enfatizar devido a sua relacao com o ciclo economico que sera discutido no Topico 4. Os estoques podem ser considerados parte de um grupo de indicadores lideres de ciclos economicos. Por indicador principal, queremos dizer que as mudancas em uma variavel, como estoques de negocios, podem levar a mudancas na condicao futura da economia. Para explicar a relacao entre as mudancas no nivel de estoques de negocios em muitos setores economicos e crescimento economico, consideremos dois casos: uma acumulacao de estoque indesejavel e uma diminuicao indesejada nos estoques de negocios. Vamos olhar para a economia como um todo. O impacto economico de uma acumulacao ou aumento indesejado nos estoques de negocios. As empresas planejam antecipadamente e prognosticam vendas futuras. Com base em suas expectativas, armazenam estoques de bens que esperam vender no futuro proximo. A razao e simples. As empresas querem que os bens disponiveis atendam as demandas dos clientes ou entao eles perderao a venda, e provavelmente perderao isso para um competidor. Se houver uma desaceleracao no consumo em muitos setores economicos, muitas empresas nao venderao tantos produtos como planejaram. Como resultado, as empresas nao venderao os estoques de bens como planejaram e os estoques se acumulam. Quando os estoques se acumulam devido a uma diminuicao no consumo, as empresas respondem reduzindo as encomendas de bens dos produtores. Por sua vez, a medida que os produtores enfrentam uma reducao na demanda por seus produtos, eles diminuirao a producao. Quando os estoques se acumulam em muitos setores da economia, as reducoes na producao de bens se tornam generalizadas e, a medida que as empresas reduzem sua producao, muitos trabalhadores sao demitidos. A medida que as folhas de pagamento sao reduzidas, o numero de desempregados aumenta e a taxa de desemprego aumenta. Com a reducao da producao, o crescimento do PIB cai e se a queda na producao e suficientemente afiada, a economia entra em recessao. O contrario ocorre com uma diminuicao indesejada ou imprevista dos inventarios. Se a demanda por bens for maior do que as empresas previram, os estoques serao rapidamente esgotados. A medida que as empresas reabastecem seus inventarios e se ajustam para um maior nivel de vendas, eles aumentam sua producao. Aumentos no resultado exigem que as empresas empregem mais trabalhadores. Se isso estiver ocorrendo em toda a economia, a taxa de desemprego caira a medida que mais individuos encontrarem emprego e a producao economica aumentara. Isso leva a um salto no crescimento economico, medido pelo PIB. O aumento da demanda por bens e servicos, bem como o aumento da demanda na producao e no emprego, vem a um custo possivel. A medida que mais empregos sao criados, aumentam os rendimentos, contribuindo ainda mais para o aumento da procura de bens e servicos. O resultado potencial e um aumento da taxa de inflacao devido aos efeitos da demanda-puxar. Demanda-puxar a inflacao resulta de pressoes de precos causadas pela crescente demanda por um bem. Alem disso, as pressoes de custo-impulso tambem podem levar a uma maior inflacao. A medida que as empresas aumentam a producao e a demanda por mao-de-obra, os salarios podem aumentar, especialmente se a economia ja estivesse perto ou em pleno emprego. Maiores salarios aumentam os custos de producao que podem ser transferidos para o consumidor sob a forma de precos mais elevados de bens. O ponto importante aqui feito e que, embora os inventarios sejam um componente relativamente menor do PIB, mudancas rapidas dos niveis desejados podem ter importantes consequencias economicas. Quando os estoques se acumulam alem dos niveis desejados, uma desaceleracao economica pode estar no horizonte, pois os produtores reduzem sua producao. Ou se os estoques estao rapidamente sendo esgotados, entao o crescimento economico e, possivelmente, a inflacao poderao crescer rapidamente a medida que as pressoes de salarios e precos aumentarem. Os analistas economicos monitoram a divergencia dos estoques dos niveis desejados como um indicador de mudancas potenciais nas taxas de crescimento economico futuro. O setor governamental controla o que o governo realmente gasta em dinheiro. As compras governamentais de bens e servicos incluem bombardeiros furtivos, pesquisas financiadas pelo governo, onibus espaciais, salarios e torradeiras. Muitos desses itens raramente sao vendidos em mercados como resultado, eles sao avaliados pelo preco que o governo paga por eles. O calculo das despesas governamentais para fins do PIB exclui varias categorias tremendas de gastos reais: pagamentos de transferencia, que redistribuem renda principalmente para individuos que sao potenciais consumidores e pagamentos de juros sobre a divida.